» segundo

Sinto-me cheio.
Demasiados demónios interiores com os quais lidar.
Guardar tudo cá dentro está a dar cabo de mim,
De nós.
Deito-me no sofá e fixo o olhar no ecrã da televisão,
Apático.
Não há circos que me alegrem.
Tão pouco o concerto gratuito numa qualquer rua da capital.
Hoje não me vou armar em herói.
Sou eu quem precisa ser salvo.

Anúncios

3 responses to “» segundo

  1. Eu não sou nenhum super-herói mas sinto que também tenho andado com o mundo às costa. Apetece-me ser resgatada, salva deste marasmo.

    Olha amigo, não guardes tudo para ti. Aproveita e diz tudo o que sentes, grita a plenos pulmões.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s